SAIBA O PAPEL DO PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO NA E DA ESCOLA

O gestor de uma escola é fundamental para atingir metas e propor mudanças quando essas não forem atingidas. Embora muitos não gostem da comparação de uma escola com uma empresa, é evidente a cada dia e é inevitável dizer que escola é escola e empresa é empresa, pois a escola dos últimos tempos tem metas para serem cumpridas e alguns governos transformam as metas em bonificações aos professores daquela equipe que consegue chegar ao estimado. Isso já funciona há tempos em empresas que chegam a suas metas e toda a equipe ganha, com o objetivo de motivá-la a produzir mais e mais.

Mais uma comparação evidente no funcionamento igual a uma empresa é a função de um gestor que acompanha as metas e em reuniões democráticas com todos que integram o ciclo de aprendizagem definem caminhos e objetivos específicos de acordo com a realidade escolar, levando em consideração a clientela atendida e suas peculiaridades sociais.

Outra ação semelhante a uma empresa é a elaboração do planejamento anual que define metas e caminhos para alcançar os objetivos propostos que também constam neste documento. Na vida escolar, esse documento é chamado de Projeto Político Pedagógico que tem como objetivo nortear ações que serão realizadas durante o ano, além de ter um raio-X detalhado da escola e da comunidade escolar.

O Projeto Pedagógico deve resultar de um desejo coletivo, isto é, obra de todos que militam nessa escola. É algo que se constrói aos poucos. É necessária uma visão detalhada e realista do gestor perante sua clientela e que s educadores assumam realmente o seu papel interagindo para alcançar as metas que estabeleceu e que pretende alcançar.

O primeiro passo para se construir o PPP é ter em mente a seguinte pergunta: “O que funcionou e o que não funcionou no ano anterior?” Esta pergunta deverá conter na reunião de planejamento e será a linha para uma boa construção do projeto, além da franqueza dos professores em uma discussão honesta se autoavaliando e avaliando a equipe para diminuir falhas e chegar mais perto de seus objetivos.

Outras perguntas pertinentes deverão ser questionadas e avaliadas pela equipe como: Com que Clientela a escola trabalha? Há alunos que apresentam eficiências crônicas? Quais alunos foram promovidos com profundas deficiências? O que faremos com eles no próximo ano? Quem são os novos alunos? Quantos têm dificuldades? Estas perguntas trarão um raio-x específico dos alunos e serão por elas que as ações realizadas no próximo ano serão pensadas e acompanhadas pela equipe pedagógica.

Outra análise importante são as avaliações internas com as externas, SARESP, SAEB e ENEM, assim poderão verificar se os dados estão paralelos ou discrepantes e depois verificar ações que foram realizadas e que deram certas e as que não deram e trocar por outras ações. Realmente é trabalhoso o processo, mas eficiente. Dá certo em empresas análises de dados e em muitas escolas, fazendo realmente o PPP, chega-se com êxito no que se pretende. Por isso, o gestor é fundamental, pois ele além de ter acompanhado afinco os objetivos, também norteia a equipe para chegar além desses.

O Gestor e toda equipe deverão ficar focados naqueles que passaram de ano letivo com extremas dificuldades e especificamente propor ações eficazes para tentar diminuir esta defasagem. A recuperação desde o início do ano é uma excelente alternativa para eles.

Outra situação que o Gestor se mostra importante e fundamental no caminhar de uma escola é a verificação de um trabalho coletivo. Como em qualquer empresa, uns se destacam e outros não, aumentam os ciúmes e muitas vezes azedam relações entre docentes, transformando as ações coletivas em individuais. No PPP tem de deixar bem claro que as ações deverão ser coletivas e as análises bimestrais e o Gestor deverá trabalhar no foco para retirar os problemas e retorná-los ao caminho que é a excelência do aprendizado do aluno.

As ações deverão ser multidisciplinares e interagir entre disciplinas sempre mostrando os objetivos e analisando os resultados. O PPP deve ter metas, planos e ações de cada disciplina, comprometendo-se toda a equipe escolar e envolvendo-os em um só processo de aprendizagem. Para que isso aconteça às perguntas: COMO TRABALHAR O COLETIVO? DE QUE FORMA POSSO CONTRIBUIR PARA OUTRA DISCIPLINA E ELEVAR O NÍVEL DE APRENDIZAGEM?

Outra situação importante é focar naqueles que estão sendo aprovados com êxitos e ainda o que fazer para elevar o nível de suas aprendizagens. O gestor com o diagnostico interno e externo junto da equipe saberá precisamente quem são e quantos são e proporá ações que possam alavancar a aprendizagem. Perguntas como O QUE POSSO DESENVOLVER PARA QUE ELES POSSAM APRENDER MAIS? QUAIS OS PROJETOS QUE PODEMOS DESENVOLVER PARA ELEVAR A APRENDIZAGEM? Após as respostas, a equipe poderá se unir e verificar a interação entre as disciplinas.

Tudo o que foi discutido até aqui, deverá constar no Plano Pedagógico para ser uma cartilha a ser seguida pela equipe durante o ano. Isso não quer dizer que deverá seguir a risca e que não poderá ser flexível durante o ano.  O mesmo poderá ser alterado de maneira clara e se for necessário para aprimorar e chegar aos objetivos proposto pela equipe. O Plano é flexível e tem de atender a qualidade prestada nos serviços para o aluno.

As aulas realizadas em salas e algumas estratégias também poderão conter no Plano, já que este norteia as ações, muitas realizadas por alguns professores podem e devem ser ampliadas para toda a equipe. Portanto, é fundamental que os educadores explanem suas metodologias e o que fazem para valorizar e trazer o aluno para o ciclo de aprendizagem. Assim outros podem incluir no seu trabalho e ou acoplá-las em suas ideias, dando mais abertura e atingindo o que foi proposto.

Outra situação importante e deve ser discutida é sobre a questão do respeito do patrimônio público. Caso a escola se encontre com diversos casos de pichações em carteiras e paredes, vandalismo nos banheiros, fechaduras e portas, a equipe deverá discutir no planejamento e propor atividades e ações para combater ou diminuir isso. Cada professor, em sua disciplina, pode criar projetos para trazer a reflexão e mobilizá-los para chegar ao objetivo, diminuir ou acabar com isso na escola.

Outra questão importante são as metas para cada disciplina. Cada professor deverá refletir sobre os conteúdos bimestrais e colocar objetivos em cada uma, levando ao total sucesso e alcance dos mesmos. Estas metas deverão constar no PPP e ainda ações que serão realizadas durante o ano que ajudarão alcançar os objetivos propostos.

A avaliação do projeto deverá ser bimestral, mas não é uma regra. Os encontros dos professores nos HTPCs podem ser momentos para discutir as ações e verificar se alguém está tendo dificuldades em realizar ações propostas no Projeto. Assim todos podem ajudar o educador e verificar as etapas já realizadas e seus resultados. Caso seja necessário alterar ações ou mudá-las.

Com o rascunho do Projeto Pedagógico e das metas nele inseridas, surgirá o Plano Escolar, na qual terá o conjunto de ações que a escola irá realizar, e o Plano de Ensino, onde os professores relacionarão os conteúdos e metas estabelecidas no ano. Tudo isso deverá ser registrado. Com esses registros, todos saberão o ponto de partida e o ponto de chegada.

Resumindo, o papel do Gestor é importantíssimo para que se cumpra e acompanhe as ações e metas estabelecidas, para ter esse norte, é necessário um planejamento reflexivo e eficácio no processo de ensino-aprendizagem. O plano da escola é o produto final do processo reflexivo e dinâmico da equipe escolar. Também o instrumento essencial da gestão da escola, cujo  objetivo é melhorar a qualidade de ensino e aprendizagem por meio do gerenciamento eficaz da inovação e mudança.

O plano da escola compreende a política nacional de educação, as diretrizes da política estadual, as aspirações da comunidade, os objetivos e valores da escola e seus resultados atuais. Para sua elaboração, precisa começar a partir de suas prioridades, que serão selecionadas e planejadas minuciosamente pela equipe escolar. É realmente o futuro da escola.

Após toda a discussão dada até aqui, ainda possui a pergunta de qual o significado e a importância do Projeto Político Pedagógico para a escola? E é bom sempre o gestor esclarecer antes de iniciarem os trabalhos do Plano. Mas a finalidade é estabelecer diretrizes básicas de organização e funcionamento da escola, integradas às normas comuns do sistema nacional e do sistema ou rede ao qual ele pertence.

Outra finalidade é reconhecer e expressar a identidade da escola de acordo com sua realidade, características próprias e necessidades locais. Além de definir coletivamente objetivos e metas comuns à escola como um todo.

O PPP possibilita ao coletivo escolar tomada de consciência dos principais problemas da escola e das possibilidades de solução, definindo as responsabilidades coletivas pessoais. Além de definir o conteúdo do trabalho escolar, tendo em vista as Diretrizes Curriculares Nacionais para o Ensino, os Parâmetros Curriculares Nacionais, os princípios orientadores da Secretaria de Educação, a realidade da escola e as características do cidadão que se quer formar.

O Gestor ainda faz a reflexão com a equipe escolar para registrar no PPP princípios orientadores do trabalho do coletivo da escola. Dar unidade ao processo de ensino, integrando as ações desenvolvidas seja na sala de aula ou na escola como um todo, seja em suas relações com a comunidade. Criar parâmetros de acompanhamento e de avaliação do trabalho escolar. Além de definir de forma racional os recursos necessários ao desenvolvimento da proposta.

A palavra PROJETO vem do latim que se traduz como lançar para diante, dá ideia de movimento, mudança. E é isto que sincroniza do Projeto Político Pedagógico. Além de democrático tem como foco provocar mudanças e alcançar objetivos propostos.

Muitos teóricos aceitam o projeto por dar uma linha ou um caminho para se concretizar os objetos e alavancar as metas. Exemplo disso, Vasconcellos que diz que o PPP é a sistematização de um processo de Planejamento Participativo, que se aperfeiçoa e se concretiza na caminhada, que define claramente o tipo de ação educativa que se quer realizar.

Portanto, um bom Projeto Político Pedagógico e seus cumprimentos durante o ano, podem alavancar a aprendizagem e sanar problemas diários de uma determinada comunidade escolar. Dando uma relação direta com a escola e o contexto social. É um mapa de Orientação, um meio de construção da identidade e da organização do trabalho escolar.

Antes de sua elaboração é necessária construir a identidade escolar, sabendo de seus problemas, espaço, comunidade, alunos, desempenho escolar, profissionais escolares, condições físicas e materiais e o tempo e espaço pedagógico.

Após, refletir que cidadão se quer formar? Quais características devem ter o cidadão para viver em um mundo contemporâneo? Para visualizar a resposta, imagine o aluno daqui dez, quinze anos. Assim poderá chegar à resposta.

Depois o Gestor reflete e passa a reflexão da pergunta: QUE TIPO DE ESCOLA QUEREMOS? É uma pergunta que dará muitos rumos às ações e metas da escola. A equipe prefere o quê? Uma Educação reguladora, conservadora e limitadora dos avanços humanos. Além de analisar a Base Nacional Comum.

Após a criação da composição curricular, onde se faz necessária a reflexão do coletivo: MULTIDISCIPLINAR, PLURIDISCIPLINAR, INTERDISCIPLINAR, TRANSDISCIPLINAR. Daí se dá ações do coletivo e individual.

Há várias maneiras de nortear o PPP e fazer com que dê certo durante o ano. Mas é a presença democrática e motivadora do Gestor que fará um êxito e uma alavanca precisa no ciclo de aprendizagem de nossos alunos.

 

Alex de França Aleluia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Juntos por uma Educação de qualidade e uma boa Literatura

%d blogueiros gostam disto: