Arquivo da categoria: livros

RAPUNZEL NO REINO DAS FADAS COMEÇA A SER VENDIDO NAS LIVRARIAS

Neste último dia, 12 de janeiro, o livro que foi lançado em dezembro de 2017 em algumas livrarias do país começou a ser vendido nas principais em e-book.

Google Play, Livraria Cultura, ITunes e Amazon já possuem a continuação do livro Rapunzel no Reino das Trevas.

O livro também terá um alcance internacional, para quem mora fora do país e quer ter contato com as obras do escritor.

Anúncios

Prof. e escritor Alex de França Aleluia seleciona 10 estudantes para o 1º Workshop de escrita e incentivo à Literatura de Mato Grosso

O professor e escritor Alex de França Aleluia selecionará até 15 estudantes da 4ª série do Ensino Fundamental, 5º, 6º e 7º anos para o 1º Workshop de escrita e incentivo à Literatura Mato-grossense.

A partir do dia 09 de janeiro, o professor, de Escolas particulares em Sinop, Membro da Academia de Letras do Brasil e escritor de mais de 5 obras, incluindo infanto-juvenil, Alex de França Aleluia promove o 1º Workshop de Sinop voltado à Literatura e às crianças. O objetivo é valorizar os estudantes que adoram ler e escrever e, que com o tempo, por falta de incentivos, deixam de lado a satisfação de escrever boas histórias.

A seleção já é um incentivo, para conseguir uma vaga no workshop de Escrita Criativa, os estudantes deverão escrever um conto que fale sobre a vida em Mato Grosso. Segundo o professor, o tema já é uma visão do que se pretende “queremos incentivar a escrita e a leitura, mas também queremos descobrir na região de Sinop os verdadeiros talentos que há tempos ficam de lado. Mato Grosso, as escolas, investem muito em esportes e a área de Literatura vai ficando de lado. Temos muitos Manuéis de Barros, Gracilianos, Machadianos, perdidos e queremos mostrar”. – Comenta o professor que coordenará.

Os melhores textos serão selecionados e seus “autores” convidados para o 1º Workshop de Escrita Criativa em Sinop. No programa, o autor mirim terá aulas sobre Narrativas e desenvolvimentos, além de entender ainda mais a Língua Portuguesa e melhorar a oratória e leitura. Tudo isso ajuda no desenvolvimento educacional da criança e, com certeza, melhorará nas notas de Língua Portuguesa.

Ao final do workshop, os participantes lançarão uma Antologia com suas Histórias e receberão certificados diretos dos Presidente Nacional da Academia de Letras do Brasil e Presidente estadual de São Paulo, Roseli Arruda. Além de serem convidados para participar da 1ª Academia de Letrinhas do Brasil em Mato Grosso.

Para participar, clique no link.

Baixe aqui o PROJETO ESCRITA CRIATIVA – REGULAMENTO

Saiba o que o autor mirim irá aprender no Workshop – 1º WORKSHOP DE ESCRITA CRIATIVA PARA CRIANÇAS 

CLIQUE AQUI PARA EFETUAR A INSCRIÇÃO

 

 

PROFESSORES PODEM FAZER MAIS UMA GRADUAÇÃO EM SUA ESCOLA, SAIBA COMO

Após cursos de aperfeiçoamento através do Mais Escola, plataforma virtual, onde professores de todos os cantos do país puderam se capacitar com cursos de 30 horas, o professor traz mais uma novidade para este ano, os professores podem se organizar na própria escola para fazer mais uma Graduação ou Pós à distância.

Os certificados são reconhecidos em todo território nacional e aprovado pelo MEC, tendo em vista que os cursos serão de uma conceituada Universidade.

Como funciona?

  • Um professor ou coordenador da própria escola poderá organizar um grupo, a partir de 5 pessoas, e efetuar a matrícula. Os cursos são totalmente em EAD e os alunos poderão estudar em suas casas, em seu tempo, mas precisará se encontrar pelo menos 1 vez por mês para o Encontro Presencial onde serão avaliados no processo.

-A medida do professor foi tomada em parceria com uma conceituada professora de São Paulo para ajudar no processo de formação pelo país. “Temos muitas escolas espalhadas pelo Brasil com professores, que, muitas vezes, não têm uma graduação ou a que querem não há disponível na região. Então a medida vem contribuir para a visão que temos: UMA ESCOLA DE QUALIDADE”.

A graduação poderá ser oferecida também aos funcionários da escola, desde que tenham terminado o Ensino Médio.

Os profissionais da Educação que aderirem aos cursos receberão descontos exclusivos como incentivo a sua formação.

A escola interessada, ou um profissional interessado em levar a Graduação a sua escola poderá assimilar o interesse no link – clique aqui – o questionário não vale como matricula, ao efetuar o interesse, dentro de dias, um atendente entrará em contato para esclarecer as principais dúvidas.

Objetivo do projeto

– Fazer parte do mercado de Educação a Distância, com reconhecida competência profissional e qualidade de suas ações;
– Promover a educação continuada e permanente a distância;
– Contribuir para a democratização das oportunidades educacionais e para o desenvolvimento sócio-cultural, científico e autossustentável do país;
– Colaborar para a qualificação e constante atualização profissional do cidadão, de acordo com as inovações tecnológicas e contínuas mudanças nos processos de trabalho;
– Favorecer e orientar o exercício da autonomia, a fim de que cada pessoa seja capaz de construir sua própria situação de aprendizagem, tornando-se sujeito transformador dos diversos ambientes em que atua.

 

RAPUNZEL NO REINO DAS TREVAS É ADOTADO EM DIVERSAS ESCOLAS PELO PAÍS

Neste ano de 2017, o livro Rapunzel no Reino das Trevas foi adotado em algumas escolas pelo Brasil. O livro tem a temática dentro da proposta curricular dos 5* e 6* anos.

O livro foi tão aceito que as mesmas renovaram o título para o ano de 2018.

Rapunzel no Reino das Trevas passou por mudanças para atender os alunos do ensino fundamental 2. E a sua escola poderá adotá-lo para o próximo ano.

As escolas podem adquirir com preços especiais. Faça o cadastro abaixo e receba a proposta do livro.

Clique aqui e faça o cadastro

Se você não é professor e tem interesse, poderá preencher o cadastro e, em breve, mandaremos o link para compra em seu e-mail.

ESCRITOR ALEX DE FRANÇA DÁ ENTREVISTA EXCLUSIVA PARA A 2ª EDIÇÃO DA FLAL

O Festival de Literatura este ano está com várias entrevistas e bate papos exclusivos com os autores. Entre ele, o nosso professor e escritor Alex de França Aleluia respondeu algumas perguntas do público.

Leia na íntegra:

Bom dia, pessoal. Vamos a mais um dia de entrevistas? Então, vamos começar.

Biografia:

Alex de França Aleluia é professor de Literatura em escolas públicas e particulares, professor universitário e capacitador na área educacional. Já escreveu livros educacionais e obras literárias como “O Aniversário”, publicado anteriormente. É membro da Academia de Letras do Brasil, palestrante cultural para jovens e adolescentes, além de contador de histórias para crianças.

Entrevista:

(Michelle Paranhos) Vocês se preocupam com a mensagem transmitida aos seus leitores por sua história? Ou você não pensa nisso ao publicar?

Sempre. Não podemos escrever por escrever, da mesma maneira de ler por ler. Quando pego em um livro, quero aprender algo com os personagens. Quero aprender algo para a minha vida. A Literatura é a única que consegue transmitir uma única essência para várias vidas.

(Sara Marie) Olá, tbm falando sobre a construção da personalidade do personagem, eu gostaria de saber se isso vem naturalmente na hora da escrita ou se é necessário fazer pesquisas para que a personalidade se encaixe perfeitamente na história?

Não. A construção da personagem é muito importante saber antes do início do conflito, pois se não temos esta precisão, não temos como caminhar pela história, pois a personagem pode ficar incoerente em algumas ações. Precisamos saber quem ela é para podermos colocar em suas ações a compatibilidade de sua magnitude de vida.

(Paula Lessa) Em que momento percebeu que o seu livro era tão bom para você, quanto para o público?

Sempre escrevi. Mas nunca tinha vontade de mostrar o que sabia. Minha família não entendia dessas coisas, leitura não era de sua vivência, então fiquei calado até meus 20 anos. Quando reescrevi uma história que havia criado aos 16 anos, pedi para minha chefe ler sem dizer de quem era o escrito. Ela leu e achou que era do Machado de Assis (risos), foi ali que vi que meus escritos tinham de estar nas mãos das pessoas.

Qual foi a cena mais difícil de se escrever? (Lari Patricio)

Mais difícil eu não sei, mas que foi aterrorizador foi. Tive de ficar um tempo sem ler. Precisava digerir. A cena de O ANIVERSÁRIO, quando a protagonista, amedrontada, pega um taco e espera a ação se repetir. E a do Pacto dos Inteligentes, quando Oliver e Belmonte estão frente a frente. O FBI inteiro para, para assistir. Foi dramático e ao mesmo tempo delirante.

Qual a sua opinião a respeito de clichês? Um livro bom é aquele completamente original, ou um clichê bem escrito pode ser bom? É possível fugir de clichês? (Vivian Santana)

Só vira clichês por um motivo: porque funciona. Não sou da linha dos Clichês, mas entendo quem faça. Sigo meu coração e gosto da originalidade.

Qual a parte de escrever uma história vc mais gosta? (Tadeu Montingelli)

A da Peripécia, mas a que mais me suga é a parte do reconhecimento da personagem. A mudança de sorte e a cena onde tudo clareia ao personagem me fazem incendiar.

Qual o critério utilizado para escolha do titulo de seus livros? (Marizeth Maria Pereira)

O Conflito do tema ou o caos do personagem.
Quando escreve vc se fecha para o mundo que o cerca? Se isola? (Dom Rodrigo Miranda)

Sim. Muito. Precisamos viver e sentir o personagem, ou nos colocamos na pele dele ou como amigos dele. Não podemos nos influenciar em outros coisa a não ser no drama.

Como não dá para viver como escritor, neste país, qual é a sua profissão principal?

Sou professor de Literatura. Vivo das Letras literalmente.

Você se sente mais à vontade como escritor, ou, na sua profissão principal? (Matheus Gabriel Castro Bezerra)

Como escritor, mas minha profissão vem muito a contribuir para a escrita.

Vocês têm dicas para as pessoas que desejam ser escritores? (Ironi Jaeger)

Acho que a única dica que tenho é: leia muito!

Gostou?